Traído entrou em depressão

“Vivi com uma rapariga durante três anos e meio, mas descobri que ela me andava a trair com o patrão. Quando ela se quis separar, ainda tentei resolver as coisas, porque nós até nos dávamos bem, mas ela virou completamente a cabeça. Tentei reverter a situação, mas ela acabou por sair de casa.

Então, entrei em depressão. Cheguei a uma altura em que não conseguia entrar em casa porque queria ir para a rua e quando estava na rua queria ir para casa. Não conseguia dormir e tinha ataques de pânico. Dormia no máximo uma a duas horas por noite e de manhã tinha de ir trabalhar, e o meu trabalho na construção civil era pesado. Cheguei a pesar 49 quilos e a fumar 4 maços de tabaco por dia.”

 

Até que uma noite ainda sem conseguir dormir e ao assistir a um programa de televisão, Paulo conheceu o trabalho do Centro de Ajuda e decidiu buscar a transformação de vida que tanto ansiava e necessitava. “Fui numa segunda-feira que cheguei ao Centro de Ajuda, completamente destruído sentimentalmente e a pensar até em suicidar-me, chegando até a tentar uma vez, mas Deus não quis isso! Entretanto, através da orientação prática que me foi lá dada e da minha fé, consegui deixar a mágoa para trás e perdoar a minha ex-companheira. Agora, sou uma pessoa feliz, sem depressão, como e durmo bem e trabalho com gosto.”

Paulo Farinha

2019-02-28T15:55:13+00:00