0
portugueses sofrem da doença!
0%
dos portugueses sofrem de uma perturbação psiquiátrica

Ligue-nos:
+351 218 368 008

Obter ajuda está
APENAS A UM PASSO!

O problema começa, quando pessoa está doente, mas não apresenta sintomas visíveis 

Leia mais

Desespero, tristeza contínua, apatia, fadiga, sensação de fraqueza…
A depressão, infelizmente, não é uma daquelas
“doenças da moda”, é um distúrbio afetivo que tem vindo a acompanhar a humanidade ao longo da sua História.

Existem mais de 30 antidepressivos disponíveis para tratar a depressão, doença cujo tratamento é feito, essencialmente, à base de medicamentos ou, em casos mais graves, pode chegar a haver internamento.

Quais podem ser as causas da Depressão?

Experiências como traumas, violência infantil, bullying, divórcio, perdas, maus-tratos diversos, podem ser vividos com uma intensidade tal que se torna, praticamente, impossível ultrapassar a dor que elas trazem. Estas emoções que não ultrapassamos, como o medo, a mágoa, a tristeza, ao longo do tempo destroem a sua qualidade de vida, limitando-nos na liberdade de sermos felizes.

Mas não pense que as pessoas que não conseguem ultrapassar as dificuldades do passado são as mais fracas,
e sim as que mais sentiram a dor ou o medo dessas experiências.

O refúgio de uma pessoa depressiva costuma ser…

Antidepressivos

Muitos medicamentos servem para aliviar os sintomas mentais associados, diminuem o sofrimento através de processos quimicos. Os portugueses estão cada vez mais dependentes de antidepressivos para levarem uma vida normal.

Mas estas pessoas encontraram uma saída

Vânia Sentieiro
Vânia SentieiroDepressiva e viciada
Durante cerca de 13 anos, Vânia sofreu com depressão e para agravar ainda mais a sua já debilitada situação viu-se a braços com os vícios do tabaco e das drogas, tendo de lidar com problemas graves em inúmeras áreas da sua vida.
Ver mais
Rosa Martins
Rosa Martins“Fiquei 2 meses internada em psiquiatria”
“Estava completamente destruída, pois faltava-me ânimo, coragem e não tinha forças nem sequer para fazer as tarefas domésticas e muito menos cuidar da minha família.”
Ver mais
Olga Quitanda
Olga QuitandaPesadelos, choro e angústia profunda
“Esperava muito por aquela criança que, entretanto, se veio a perder. Devido a este aborto, comecei a desenvolver uma depressão, tendo pesadelos constantes e sentindo uma angústia profunda.”
Ver mais

Sintomas da Depressão

Rotulados como físicos e psicológicos, os diferentes sintomas da depressão podem ser identificados em maior ou menor escala em diferentes pessoas

SAIBA MAIS

Casos Reais

Conheça as histórias de quem venceu a depressão através do tratamento proporcionado pelo Centro de Ajuda!

SAIBA MAIS

Tipos de Depressão

Infantil, juvenil, pós-parto, psicótica, sazonal… a depressão pode ser enquadrada em diferentes  subtipos, conheça-os

SAIBA MAIS

Fale Connosco!

Cada pessoa é única e não existe uma depressão igual à outra… procure-nos, pois estamos aqui para ajudá-lo de forma gratuita!