Depressão “pode ser detetada em crianças com apenas sete anos”. Os sinais

Fonte de Imagem: noticiasaominuto.com

A depressão pode incidir no foro neurológico em crianças com somente sete anos – os sinais de alarme podem indicar problemas psiquiátricos e sociais na idade adulto, alertam os especialistas.

Uma equipa de cientistas norte-americanos analisou 94 crianças através da realização de tomografias ao cérebro e concluiu ser capaz de prever aquelas que viriam a sofrer de depressão severa por volta dos 11 anos de idade.

As crianças realizaram ressonâncias magnéticas quando tinham sete anos, de acordo com o estudo publicado no periódico científico JAMA Psychiatry. Especialistas da Universidade de Northeastern em Boston, nos Estados Unidos, afirmaram que os resultados demonstravam que os seus cérebros pareciam ter um menor fluxo sanguíneo entre as regiões que controlam a tomada de decisões e o humor.

Quatro anos depois, o mesmo grupo de crianças foi sujeito a uma avaliação comportamental na qual revelaram sinais ainda mais atenuados de depressão.

Os investigadores conduziram simultaneamente entrevistas com os pais dos jovens de modo a discernir corretamente o seu estado de espírito.

De seguida classificaram as crianças quanto à sua capacidade de internalizar emoções, tais como afastamento da família e amigos, ansiedade e sintomas físicos, incluindo cansaço extremo.

Os investigadores detetaram que os sintomas depressivos haviam piorado em quatro anos entre uma em cada cinco crianças.

Eis, segundo os especialistas norte-americanos, os principais sinais de alarme aos quais os pais e educadores devem estar atentos, que afirmam que a depressão “pode ser detetada em crianças com apenas sete anos”:

1. Mau humor constante;

2. Acessos de raiva e de choro;

3. Perda de interesse em atividades que antes apreciavam;

4. Sensação de cansaço constante;

5. Perda de apetite ou fome excessiva;

6. Dificuldade em dormir;

7. Falta de concentração;

8. Baixa auto-estima;

9. Pensamentos autodestrutivos ou suicidas.

No Centro de Ajuda tem vindo a ser realizado um trabalho de apoio junto das pessoas que sofrem de depressão. Se deseja saber mais sobre o mesmo, procure-nos na Rua Dr. José Espírito Santo, nº 36, através do número de atendimento gratuito 24h: 218 368 008 ou pelo WhatsApp: 918 617 038.

Fonte: noticiasaominuto.com

Envie-nos a sua mensagem

Contactos

  • 218 368 008

  • apoio@saindodadepressao.pt

  • Rua Dr. José Espírito Santo, Nº 36
    Chelas, Lisboa